sexta-feira, 28 de março de 2008

Cartola.





Cazuza - O Mundo é Um Moinho
[Cartola]



Ainda é cedo amor.
Mal começaste a conhecer a vida.
Já anuncias a hora da partida.
Sem saber mesmo o rumo que irás tomar.
Presta atenção querida, embora eu saiba que estas
resolvida.
Em cada esquina cai um pouco a tua vida.
Em pouco tempo não serás mais o que és.
Ouça-me bem amor.
Preste atenção, o mundo é um moinho.
Vai triturar teus sonhos tão mesquinhos.
Vai reduzir as ilusões a pó.
Preste atenção querida.
Em cada amor tu herdarás só o cinismo.
Quando notares estás à beira do abismo.
Abismo que cavastes com teus pés.

sexta-feira, 21 de março de 2008

Paixões relativas.


"A única diferença entre um capricho e uma paixão eterna

é que o capricho dura um pouco mais..."


[Oscar Wilde]


Estava pensando esses dias como as coisas são "tão pra sempre hoje em dia", mas que esse pra sempre dura apenas um ano, um mês, um dia, um minuto, quem sabe até um segundo.

O mundo anda tão rápido, as pessoas não tem mais tempo de se conhecerem, de terem uma boa conversa, de perder tempo fazendo algo que lhes dão prazer.

Tudo é tão efêmero, tão...tão sem sentido.

Acho as vezes que eu parei no tempo, em um tempo que eu nem vivi. Um tempo onde os rapazes cortejavam as moças, nas praças, não que eu goste de garotos melosos, aqueles que conversam tanto que te cansam, mas sim daqueles que te fazem rir, que te elogiam na hora certa, aquela quando você está se sentindo a pessoa mais esquisita do mundo, e que ele te diz que você está linda com um sorriso enorme. Admiro sorrisos. Os enormes. Sinceros.

Mas voltando ao assunto das paixões, hoje não se vê um filho dizendo que ama sua mãe mas que está apaixonado pelo seu carro, pelo último game lançado, pelo seu celular última geração. Tudo isso é novo ,a cada dia o mercado lança algo novo que encanta e apaixona as pessoas, e com isso se vê menos amor pessoa-pessoa menos ajuda menos boa vontade menos olhares. Paixões declaradas por casais que se dizem amando-se para a eternidade, e que essa eternidade é na verdade duas semanas, onde aparece um novo amor eterno.

Sei que esse assunto é de certa forma piegas, mas deu vontade de escrever isso,o mundo rápido de hoje me afeta e muito, não sou assim, não cresci assim, tenho medo de ficar pra trás.

segunda-feira, 17 de março de 2008




Queria ser uma estrela para brilhar e lá do céu e com um conjunto de mim, poder guiar os barqueiros perdidos, lá do céu poder tornar inesquecivel a noite dos casais apaixonados que se amam a luz do luar e por que não das estrelas.




Um dia desses vi uma estrela que vagava por entre nuvens e companheiras, aquela que os homens sem sonhos insistem em chamar de cadente, estrela-cadente, que cai, estrela-que-cai, pois para mim ela não cai, ela é uma andarilha dos céus, feliz e livre, encanta quem vê, alimenta os nossos sonhos, ilumina a nossa noite.




Costumo perder hrs admirando as estrelas, ainda que sozinha, alimento o sonho de achar uma metade que goste de estrelas.




"The stars are so beautiful from space


I used to spend hours just lying on a hill looking up


You always did love the sky


A stargazer... that is what you are"


[Desconheço o autor]




sábado, 15 de março de 2008

MEME


éeee ganhei um meme super legal do http://etcdavida.blogspot.com/ .

Brigada meninaaa, adorei.


É o seguinte: Abre o primeiro livro que vir pela frente e copia a quinta frase, lá vai.


" Como as acompanhasse com muita atenção e miudeza, lançando em um livro as observações que fazia, cuidaram que o livro era o registro dos seus pecados, e fortaleceram - se ainda mais na prática das virtudes. "


Machado de Assis

Conto: A sereníssima república ( Conferência do Cônego Vargas )

Livro: 50 contos de Machado de Assis




Então acho que é só isso, estou assim meio vazia meio cheia de tudo.


P.S.: eu indico para o meme o blog http://caldodetipos.blogspot.com/ (Caldo de tipos)

domingo, 9 de março de 2008


Ele vem se aproximando e ela tão embreagada com a magia da noite não percebe seus passos:

- Você gosta de estrelas? Diz ele.

- Gosto de beber estrelas.... - disse olhando a noite - Você gosta?

- Estrelas? Só as mais brilhantes.

- Também sou seletiva, gosto das mais inebriantes.

- Você é inebriante.

-Inebriante. Você.

- Roberto Carlos era inebriante com seu calhambeque. Você me desvia do mundo.

-Eu desvio

...


....



-Que tal as estrelas?

- Que tal você?

-Quero você?

-Quero você.




[Escutando no toca discos marrom Angela Ro Ro]